Textos de Provérbios sobre Sábios versus Insensatos (loucos, escarnecedores)

Provérbios 3:35 Os sábios herdarão honra, mas os loucos tomam sobre si a ignomínia.

Provérbios 9:9 Dá instrução ao sábio, e ele se fará mais sábio ainda; ensina ao justo, e ele crescerá em prudência.

Provérbios 9:12 Se és sábio, para ti mesmo o és; se és escarnecedor, tu só o suportarás.

Provérbios 11:29 O que perturba a sua casa herda o vento, e o insensato é servo do sábio de coração.

Provérbios 13:13 O que despreza a palavra a ela se apenhora, mas o que teme o mandamento será galardoado.

Provérbios 13:14 O ensino do sábio é fonte de vida, para que se evitem os laços da morte.

Provérbios 13:19 O desejo que se cumpre agrada a alma, mas apartar-se do mal é abominável para os insensatos.

Provérbios 13:20 Quem anda com os sábios será sábio, mas o companheiro dos insensatos se tornará mau.

Provérbios 14:7 Foge da presença do homem insensato, porque nele não divisarás lábios de conhecimento.

Provérbios 14:24 Aos sábios a riqueza é coroa, mas a estultícia dos insensatos não passa de estultícia.

Provérbios 15:7 A língua dos sábios derrama o conhecimento, mas o coração dos insensatos não procede assim.

Provérbios 15:21 A estultícia é alegria para o que carece de entendimento, mas o homem sábio anda retamente.

Provérbios 16:21 O sábio de coração é chamado prudente, e a doçura no falar aumenta o saber.

Provérbios 16:22 O entendimento, para aqueles que o possuem, é fonte de vida; mas, para o insensato, a sua estultícia lhe é castigo.

Provérbios 17:12 Melhor é encontrar-se uma ursa roubada dos filhos do que o insensato na sua estultícia.

Provérbios 17:24 A sabedoria é o alvo do inteligente, mas os olhos do insensato vagam pelas extremidades da terra.

Provérbios 18:2 O insensato não tem prazer no entendimento, senão em externar o seu interior.

Provérbios 19:10 Ao insensato não convém a vida regalada, quanto menos ao escravo dominar os príncipes!

Provérbios 19:25 Quando ferires ao escarnecedor, o simples aprenderá a prudência; repreende ao sábio, e crescerá em conhecimento.

Provérbios 19:29 Preparados estão os juízos para os escarnecedores e os açoites, para as costas dos insensatos.

Provérbios 21:11 Quando o escarnecedor é castigado, o simples se torna sábio; e, quando o sábio é instruído, recebe o conhecimento.

Provérbios 21:20 Tesouro desejável e azeite há na casa do sábio, mas o homem insensato os desperdiça.

Provérbios 21:22 O sábio escala a cidade dos valentes e derriba a fortaleza em que ela confia.

Provérbios 22:10 Lança fora o escarnecedor, e com ele se irá a contenda; cessarão as demandas e a ignomínia.

Provérbios 23:9 Não fales aos ouvidos do insensato, porque desprezará a sabedoria das tuas palavras.

Provérbios 24:5 Mais poder tem o sábio do que o forte, e o homem de conhecimento, mais do que o robusto.

Provérbios 24:7 A sabedoria é alta demais para o insensato; no juízo, a sua boca não terá palavra.

Provérbios 24:9 Os desígnios do insensato são pecado, e o escarnecedor é abominável aos homens.

Provérbios 25:12 Como pendentes e jóias de ouro puro, assim é o sábio repreensor para o ouvido atento.

Provérbios 26:1 Como a neve no verão e como a chuva na ceifa, assim, a honra não convém ao insensato.

Provérbios 26:3 O açoite é para o cavalo, o freio, para o jumento, e a vara, para as costas dos insensatos.

Provérbios 26.4 Não respondas ao insensato segundo a sua estultícia, para que não te faças semelhante a ele.

Provérbios 26.5 Ao insensato responde segundo a sua estultícia, para que não seja ele sábio aos seus próprios olhos.

Provérbios 26.6 Os pés corta e o dano sofre quem manda mensagens por intermédio do insensato.

Provérbios 26.7 As pernas do coxo pendem bambas; assim é o provérbio na boca dos insensatos.

Provérbios 26.8 Como o que atira pedra preciosa num montão de ruínas, assim é o que dá honra ao insensato.

Provérbios 26.9 Como galho de espinhos na mão do bêbado, assim é o provérbio na boca dos insensatos.

Provérbios 26.10 Como um flecheiro que a todos fere, assim é o que assalaria os insensatos e os transgressores.

Provérbios 26.11 Como o cão que torna ao seu vômito, assim é o insensato que reitera a sua estultícia.

Provérbios 27.3 Pesada é a pedra, e a areia é uma carga; mas a ira do insensato é mais pesada do que uma e outra.

Provérbios 27.22 Ainda que pises o insensato com mão de gral entre grãos pilados de cevada, não se vai dele a sua estultícia.

Provérbios 28.2 Por causa da transgressão da terra, mudam-se freqüentemente os príncipes, mas por um, sábio e prudente, se faz estável a sua ordem.

Provérbios 29.8 Os homens escarnecedores alvoroçam a cidade, mas os sábios desviam a ira.

Provérbios 29.9 Se o homem sábio discute com o insensato, quer este se encolerize, quer se ria, não haverá fim.

Provérbios 29.11 O insensato expande toda a sua ira, mas o sábio afinal lha reprime.

Provérbios 30.21-23 Sob três coisas estremece a terra, sim, sob quatro não pode subsistir: sob o servo quando se torna rei; sob o insensato quando anda farto de pão; sob a mulher desdenhada quando se casa; sob a serva quando se torna herdeira da sua senhora.

Compartilhe com seus irmãos e amigos


ou copie este link e envie para seus contatos

Seja o primeiro a comentar!



* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do site e passarão por aprovação do administrador.