Três atitudes que podemos ter diante das Aflições

(JO 16:33) Estas coisas vos tenho dito para que tenhais paz em mim. No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.

Aflição significa: Padecimento físico, tormento, tortura, agonia, desassossego, inquietação, sofrimento.

Jesus não prometeu aos seus discípulos uma vida sem sofrimento. O que Ele prometeu foi a paz e a vitória em meio as aflições. O caminho de Deus para formar as nossas vidas, é um caminho de renuncia e provação. É através das lutas e sofrimentos que somos desafiados a termos a mesma atitude que Jesus teve.

Diante do sofrimento, o ser humano pode ter três atitudes:

1-Murmurar contra Deus como fez Israel no deserto

Por várias vezes Deus permitiu que o seu povo passasse por dificuldades no deserto. (EX 15:22-24) (EX 16:2-3 e 8) (EX 17:2-3) (NM 14:1-3). Isto porque Deus queria provar a sua obediência e através disso fazer deles um povo santo. Mas infelizmente o povo murmurou contra o próprio Deus, questionando a sua saída do Egito. O fim disso tudo, foi não herdarem a promessa de entrarem a terra prometida.

2-Conformar-se com a situação e não reagir

Neste caso temos o exemplo de Jó. No princípio das suas aflições Jó bendisse a Deus, mas depois se deprimiu e amaldiçoou o seu próprio nascimento por não compreender o propósito que Deus tinha para a sua vida. (Jó 1:20-22) (Jó 2:9-10) (Jó 3:1-26) (Jó 38:1-4) (Jó 40:1-8) (Jó 41:10-11) (Jó 42: 1-6). Até mesmo foi acusado por seus amigos que questionavam dizendo: “se estás sofrendo é porque pecaste”. Até que Deus falou com ele e então se arrependeu.

3-Aceitar o sofrimento como um plano de Deus para a sua vida

Temos aqui o exemplo de José filho de Jacó quando foi vendido como escravo para o Egito. Ele teve que passar por muitas injustiças e sofrimentos. Foi odiado por seus irmãos, humilhado, levado para a prisão pelas calunias da mulher de Potifar, distante de seus pais e de sua terra, mas ele não se amargurou. Ele sabia que Deus estava com ele. Vinte anos depois ele pode dizer sem amargura aos seus irmãos: “não vos entristeçais, nem vos irriteis contra vós mesmos por me haverdes vendido para aqui; porque, para conservação da vida, Deus me enviou antes de vós”. (GN 45:4-5).

Por que Deus permite que passemos por sofrimentos na nossa vida?
Porque o grande problema da humanidade é o amor próprio (orgulho). Por isso Deus permite o sofrimento.

O sofrimento ajuda a sermos mais humildes, mais humanos, mais sensíveis, mais pacientes, mais compassivos, mais misericordiosos, mais obedientes, mais dependentes de Deus. Em resumo de tudo isso, Deus usa o sofrimento para formar em nós a mesma imagem do Seu Filho Jesus (RM 8:28-29).

A obediência se aprende através dos sofrimentos que passamos.
Para mim um dos versos mais triste do novo testamento está em Hebreus 5:8, que diz: “Embora sendo Filho aprendeu a obediência pelas coisas que padeceu”.

Se o Filho de Deus precisou padecer para aprender a obediência, quanto mais nós. Por isso, não nos desanimemos com as aflições, pois Jesus já nos fez mais que vencedores.

(SL 34:19) Muitas são as aflições do justo, mas o SENHOR de todas o livra.

Como você conheceu o Um Só Corpo?

  • Inclua outra resposta

Compartilhe com seus irmãos e amigos


ou copie este link e envie para seus contatos

Seja o primeiro a comentar!



* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do site e passarão por aprovação do administrador.