Série: Seguir Jesus – O que aprendemos com Jesus?

Estamos diante de Jesus, o Deus que nos ensina a ser humanos.
O maior ensino de Jesus ao homem é ensinar o homem a ser humano.

1. Como o sacerdote e o levita da parábola, Jesus estava indo para a festa da Páscoa em Jerusalém. Tinha muito ainda para caminhar. Seus “assessores” informais achavam que não podia perder tempo. Mal tinha entrado em Jericó, tinham que atravessar a cidade e caminhar mais 27 km até Jerusalém, onde a Páscoa o aguardava. Quando Bartimeu (era um homem que estava sentado à beira do caminho; era um esmoler, que tinha ali talvez há muitos anos o seu ponto) O encontra, Jesus estava saindo da cidade de Jericó. Talvez tivesse completado o seu trabalho em Jericó. Talvez estivesse cansado. Então, Bartimeu descobre que Jesus é aquele que pára diante das pessoas necessitadas, não importa a carência. Jesus não passa ao largo de nossas necessidades. Estamos diante da primeira marca que Jesus quer imprimir em nós: a bondade. Porque era bom, Jesus prestou atenção em Bartimeu. Bom é quem olha para si como alguém capaz de ver o outro. Precisamos ver os outros. Precisamos ouvir os outros. Precisamos perceber a miséria do outro e nos importar. Jesus quer que sejamos como Ele: bons, não indiferentes ao sofrimento alheio. Jesus quer que sejamos como Ele: bons, não ocupados demais para servir. Jesus quer que sejamos como Ele: bons, não apenas santos.

2. Depois que ouve Bartimeu, Jesus para e procura encontrá-lo. Seu coração está motivado por um desejo: estender a mão àquele homem, que gritava por ele. Jerusalém, para onde ia, ficou em segundo plano. Aquele desconhecido estava agora em primeiro plano. A mão estendida é e o gesto que marca a generosidade. Ser generoso é olhar a diferença como igualdade, como pertencendo ao mesmo gênero, o gênero humano. Somos todos iguais. Jesus é aquele que nos chama para um encontro com Ele. A maior expressão da generosidade é a tolerância contra os que não se portam corretamente, contra os que não crêem corretamente.

3. Nesta história, aprendemos que Jesus é aquele que quer nos ouvir. Jesus é aquele que nos restaura de modo completo. Quando o Senhor diz a Bartimeu “a sua fé o curou”, Ele diz: “a sua fé o tornou inteiro”. Bartimeu foi alcançado pela solidariedade (o ato de tornar algo sólido). Não foi apenas curado; foi também salvo. Não apenas salvo; foi também curado.

Seja humano como Bartimeu: persista; não se conforme, não importa quanto tempo dure a sua dor. Jesus não nasceu para que ficamos afundados na dor. Os anjos não cantaram para que fiquemos na terra, porque o seu canto nos enleva.
Seja humano como Bartimeu: dê um salto, largue a sua capa e saia da beira da caminho, para vir para o centro da estrada. Saia da periferia de Jericó; vá para o centro de Jerusalém. Grite por Jesus e afaste o desânimo que tem impedido você de enxergar o que Jesus quer que você veja.

Seja humano como Jesus: busque ser bom, começando por uma pessoa. O mundo será diferente..
estava sentado à beira do caminho; era um esmoler, que tinha ali talvez há muitos anos o seu ponto.

Seja humano como Jesus: busque ser solidário.
Seja humano como Jesus: busque ser generoso.
Seja humano como Jesus: busque ser honesto.
Seja humano como Jesus: busque ser manso.

Como você conheceu o Um Só Corpo?

  • Inclua outra resposta

Compartilhe com seus irmãos e amigos


ou copie este link e envie para seus contatos

Seja o primeiro a comentar!



* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do site e passarão por aprovação do administrador.