Propósito Eterno de Deus

Após a minha conversão e uma vida na denominação, havia um vácuo, uma lacuna, faltava uma clareza do porquê. Depois que conheci os pais lá em Porto Alegre e a revelação do Propósito Eterno de Deus, minha vida tomou um norte. Isto norteou a minha vida desde solteiro, e hoje tenho 51 anos. Não tem valor que mensure a vida norteada pelo Propósito Eterno, ter uma vida que agrade ao Pai.

Efésios 3.8-11 – O v.8 nos fala das insondáveis riquezas de Cristo. Insondável é algo que não se pode chegar ao fim. Após 33 anos estudando o Propósito Eterno, acho que ainda estou na periferia.

2 Timóteo 1.9 – Determinação é o Propósito Eterno. Antes de todas as coisas o Pai tinha um propósito eterno e isto incluía você e eu.

Qual é o resumo do Propósito Eterno? Deus quer uma família de muitos filhos semelhantes a Jesus para a glória de Deus Pai.

Efésios 1.3-12 – fala que agradou ao Pai convergir todas as coisas em Jesus Cristo. Convergir é centralizar em Cristo, nEle, para Ele, no Amado… Tudo é através de Cristo, nada é fora dEle. Não é eu e você que somos o centro: É Jesus. O Propósito Eterno de Deus se chama Jesus.

NA PERSPECTIVA INDIVIDUAL – A MIM ENQUANTO PESSOA INSERIDA NO PROPÓSITO

Uma família nos fala de unidade: um só coração de conhecer a Cristo Jesus.
Vejamos João 17.3. Ele é a vida eterna (zoe) de Deus. Em Filipenses 3.8-10 nos fala da koinonia dos seus sofrimentos. Todos tem um só coração: conhecer a Cristo. Ser conformado nEle. O conhecimento não é intelectual, é revelação (no grego é epignosis).

Semelhantes a Jesus nos fala de qualidade: um compromisso de vivermos Cristo Jesus.
Todos nós, a congregação. Leiamos Mateus 12.46-50. Que resposta estranha, né? No mundo se diz: Todo mundo é filho de Deus. Mas nem todos são filhos. Quem é filho/família? É todo aquele que tem um compromisso com Deus de viver Cristo Jesus, 1 João 2.6. Se eu digo que sou salvo, crente, discípulo, devo dizer: Senhor, quero andar como Ele andou. Não é roupa, é o diferencial.

Muitos filhos nos fala de quantidade: da responsabilidade (privilégio, alegria) de multiplicarmos a vida de Cristo Jesus.
Demos uma olhada em Mateus 4.19. Todos estes homens saíam para pescar, eram diferentes de nós que saímos por hobby, lazer. Eles passavam horas no meio do mar. Jesus os chamou para pescar homens, mulheres e crianças: Pescadores de vidas. Em Jo 15.8 e 16, ganhar almas é um privilégio, honra, é alegria. Quando nossos filhos nascem, temos uma alegria de mostrá-los a todos. Assim é no Senhor. Você quer ser participante desta grande alegria do Senhor?

Para a glória de Deus Pai nos fala desse foco definido de fazer convergir tudo em Cristo Jesus.
Veja 1 Coríntios 10.31. “Qualquer outra coisa”, ficou alguma coisa fora? Jogar futebol, escola, louvor, música, varrer o salão, abrir a casa, servir uma pessoa na rua: Tudo para a glória de Deus. Efésios 1.6 diz que nós existimos para o louvor da glória no Amado, v. 12, 14. Existimos para o louvor da glória. Casamento, filhos (por isto não podemos deixá-los sem instrução, carinho e amizade), esposa. Colossenses 3.17. É em nome de e através de. Tudo é por Ele, para Ele e por meio dEle. Para o louvor da sua glória. Centralizando a pessoa de Cristo, conhecê-lo e multiplicá-lo.

NA PERSPECTIVA CONGREGACIONAL – A IGREJA INSERIDA NO PROPÓSITO

Uma família
Somos uma igreja, um só corpo, família, mente e coração, Efésios 4.1-6. Pergunto: Sobrou alguma coisa? Tudo é dEle, para Ele e por meio dEle. Em Filipenses 2.1 lemos de sentimento. Sentimento aí não é sentimento de alma, é entendimento. Somos parte da igreja que se reúne aqui no Janga, ao mesmo tempo com os irmãos da Cabugá e em todo o mundo. E aqui na congregação é um só falar, um só sentir. Família nos fala de: amor, união, respeito, proteção, transparência, relacionamento, intimidade, comunhão no Espírito Santo (koinonia), aliança, serviço, compromisso. Nesta família que é a igreja tem que permear tudo isto. São valores dentro de nós, não coisa de mente. Quando espremo uma laranja: laranjada. Quando espremo um limão: limonada. Quando espremo um discípulo, o que sai dele? Amor, união, honra, submissão, serviço. Sobre a família: Efésios 2.19 – nós somos da família de Deus. É muito mais que congregar ou ir a um culto: Você foi colocado na família de Deus, Efésios 3.14, 15; 5.1-2.

Estamos num meio evangélico onde as pessoas mudam de congregação facilmente. No mundo recebemos propagandas e cartões de fidelidade. No meio evangélico não há compromisso ou fidelidade. Tive uma experiência de um irmão de outra congregação: Ele teve que preencher uma ficha com o nome do pastor e de um amigo na igreja que lhe desse referência. Após 06 (seis) anos ele não podia dar referência de um pastor que o conhecesse ou de um amigo. E no encontro eu digo: “Paz do Senhor, “irmão””. É porque eu não sei o nome dele. Como não saber o nome do meu irmão na minha casa! Quando não há intimidade, profundidade de vida juntos, pergunto: Posso chamar de igreja de Deus?

Viver como família de Deus não é modismo, isto é o que Deus é: Ele é o Pai, Jesus é o filho e meu irmão.

Semelhantes a Jesus

O que isto vai nos falar no Propósito Eterno de Deus? Fala de qualidade. O que nos vem a mente? O caráter de Jesus (manso, humilde, compassivo, etc.). Nos fala de fazer discípulos. Por que ser discípulo? Porque é a única forma que Deus estabeleceu para sermos semelhantes a Jesus. Mateus 28.18-20, se é algo que Deus está comprometido a estar conosco é o fazer discípulos. Se eu me entrego é porque eu sei que Deus colocou homens sobre a minha vida que nos vão formar à semelhança de Cristo.

Muitos filhos
Muitos filhos nos fala da multiplicação, proclamação, frutificação. Nos fala desta multiplicação que nós como congregação estamos comprometidos em fazer. Isto é só para alguns? Não, é para todos! Não devo me esconder atrás de um violão, por exemplo, devo fazer discípulos. Há algum incrédulo ainda no Janga? Quando acabar vamos para Pau Amarelo, Nossa Senhora do Ó, Paulista, Jardim Paulista, etc..

CONCLUSÃO

Filipenses 3.12-14. Tu já foste conquistado por Cristo? Como é ser conquistado? Depois de 25 (vinte cinco) anos de casado, continuo conquistado e apaixonado por minha esposa. Tu amas o Amado e sabes que és amado por Ele? Ele é a paixão da tua vida? Ele é o teu primeiro pensamento quando acordas e o último quando te deitas? Ele te faz ficar sem fôlego? Quero te convidar a ter este coração: Ser discípulo e ser conquistado por Ele.

Culto ministrado por Jan Gottfridsson

Como você conheceu o Um Só Corpo?

  • Inclua outra resposta

Compartilhe com seus irmãos e amigos


ou copie este link e envie para seus contatos

Seja o primeiro a comentar!



* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do site e passarão por aprovação do administrador.