Abandonar as coisas lícitas

Cuidado com as pequenas mudanças e não só com os pequenos desvios da palavra.

Deus sempre fala e as vezes ele fala de forma mais especial. Que nossos ouvidos estejam sempre abertos pra ouvir do Senhor.

Deus tem nos chamado pra um tempo de arrependimento.

O mais simples pensamento de viver a eternidade longe do senhor e da sua doce presença e de que não estarei presenciando sua glória já é suficiente pra que meu coração seja tomado de um desespero total. E para colocar nosso pés no caminho daquilo que é eterno.

Existe algo que nós temos e que podem se virar contra nós. Aquilo que nos é lícito pode nos desviar daquilo que é eterno.

“Muitos são os planos no coração do homem; mas o desígnio do Senhor, esse prevalecerá” – Provérbios 19:21

“Como águas profundas é o propósito no coração do homem; mas o homem inteligente o descobrirá.” – Provérbios 20:5

“Ao homem pertencem os planos do coração; mas a resposta da língua é do Senhor.” – Provérbios 16:1

Precisamos olhar pra o que é eterno porque os propósitos lícitos do nosso coração podem nos tirar da eternidade.

Planejamento: O ato ou efeito de planejar, criar um plano.

“A esperança adiada entristece o coração; mas o desejo cumprido é árvore devida.” – Provérbios 13:12

Os planos podem mudar, mas o objetivo continua o mesmo. Nosso coração é cheio de propósito.

Como avaliar se estou ou não focado naquilo que é eterno?

Confrontando os meus propósitos com o propósito de Deus.

“E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. Porque os que dantes conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos;” – Romanos 8:28-29

1° sermos discípulos
2° fazermosdiscipulos

“E, aproximando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos.” – Mateus 28:18-20

Ser e fazer discípulos está dentro do propósito de olhar para a eternidade e para que possamos viver esse propósito ninguém pode sustentar, segurar o braço forte do senhor.

Cuidado com as pequenas mudanças e não só com os pequenos desvios da palavra.

Pequenas mudanças que ocorreram no nosso coração podem desviar nosso olhar da eternidade:

Podem haver adaptações no planejamento mas o propósito continua o mesmo. Jesus era um homem muito ocupado, mas era um homem que tinha um propósito estabelecido e ninguém tirava ele de seu propósito e se você é facilmente tirado do seu propósito é porque ele não é mais seu.

“E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, como o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, aquele que tu enviaste.” – João 17:3

As coisas lícitas devem estar no seu devido lugar

“E o que foi semeado entre os espinhos, este é o que ouve a palavra; mas os cuidados deste mundo e a sedução das riquezas sufocam a palavra, e ela fica infrutífera.” – Mateus 13:22

“Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que havemos de comer? ou: Que havemos de beber? ou: Com que nos havemos de vestir? (Pois a todas estas coisas os gentios procuram.) Porque vosso Pai celestial sabe que precisais de tudo isso. Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” – Mateus 6:31-33

Os cuidados lícitos são tão perigosos quanto as transgressões para nos tirar o foco da eternidade

“e ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.” – 2 coríntios 5:15

Como você conheceu o Um Só Corpo?

  • Inclua outra resposta

Compartilhe com seus irmãos e amigos


ou copie este link e envie para seus contatos

Seja o primeiro a comentar!



* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do site e passarão por aprovação do administrador.